Skip to content

Como Usar Hashtags do Instagram para Vender Mais

Você sabe de onde vêm as hashtags?

O usuário do Twitter Chris Messina criou o conceito de usar a hashtag para conversas nas mídias sociais. 

Em 23 de agosto de 2007, ele twittou uma sugestão para usar o sinal # antes da palavra-chave ou frase como um método de categorizar as conversas no site. 

Sua inovação não ganhou ampla aceitação imediatamente. 

As pessoas queixaram-se de que incluir sinais # dificultava a leitura das mensagens.

O sistema ganhou real aceitação social no final daquele ano, durante os incêndios florestais em San Diego. 

A hashtag #sandiegofire se tornou a frase organizadora que permitiu que as pessoas se comunicassem de maneira rápida e conveniente no site. 

O método de usar o sinal # na frente de uma palavra ou frase, embora distraia as pessoas que leem a mensagem, mostrou-se muito útil.

O Twitter cunhou o nome hashtag e, em 1º de julho de 2009, a empresa começou a vincular as palavras com hashtag nos resultados de pesquisa, tornando muito conveniente a função de usar hashtags. 

A lista de redes sociais e sites relacionados que adotaram essa prática é bastante extensa.

Como o Instagram usa Hashtags

Dentro do Instagram é a ferramenta mais importante para atrair novos seguidores.

Quando você compartilha conteúdo no Instagram e inclui uma hashtag na legenda, qualquer pessoa pode tocar nessa hashtag e ver outras imagens que a usaram essa mesma hashtag. 

O conteúdo é exibido na guia Explorar, com três opções úteis. 

1. Hashtags relacionadas. 

Como o nome indica, isso exibe hashtags semelhantes que podem ser também do seu interesse.

Não há hashtags relacionadas para cada hashtag, mas para as hashtags mais populares existem e pode ser uma maneira útil de identificar grupos de usuários semelhantes em um tópico ou setor.

2. Principais Publicações – Top 9

Essa visualização exibe o conteúdo que tem mais envolvimento – ou mais curtidas e comentários. 

A parte mais importante de uma postagem é chegar aqui, nas TOP 9, é literalmente o topo. 

Portanto, se você está tentando usar uma hashtag específica e seu conteúdo é muito apreciado, os espectadores dessa hashtag provavelmente verão sua postagem aqui. 

3. Mais Recente. 

Como o próprio nome indica, essa visualização compartilha o conteúdo com o uso mais recente da hashtag na parte superior do feed. 

Para hashtags menos populares, as imagens mais recentes ficam visíveis na parte superior por mais tempo. 

Para hashtags mais populares, você precisará rolar o feed para baixo para encontrá-las.

Resumindo, ter uma postagem aqui nessa visualização não vai ajudar seu perfil a crescer…

DICA DE HASHTAGS QUE VOCÊ PODE “TENTAR” CONTROLAR

Se você incluir uma hashtag muito popular em seu conteúdo, ela provavelmente será exibida na visualização Mais Recente por apenas uma fração de segundo e também será muito difícil ser classificada na visualização Top dessa hashtag. 

Mas se você incluir uma hashtag menos popular, ela permanecerá na parte superior das Mais Recente por um longo período de tempo. 

Também será muito mais fácil classificá-lo na vista superior. 

O ponto ideal está em saber quais as hashtags que você pode usar, capaz de atrair seguidores porque conseguem posicionar seu conteúdo nas Top 9.

Somente uma Gestão de Instagram para Negócios consegue analisar as melhores hashtags para seu perfil.

Como usar Hashtags

Hashtags têm enorme utilidade para pessoas que desejam fazer do seu perfil de instagram uma máquina de vendas.. 

Vamos revisar algumas maneiras poderosas de aproveitá-las.

  • 1. Sempre inclua hashtags em suas postagens para expandir o alcance do conteúdo. Você pode incluir até 30.
  • 2. Você pode criar suas próprias hashtags e usá-las de forma criativa em seus negócios para coisas como concursos, promoções e liderança de pensamento.
  • 3. Você pode procurar por hashtags e agora também pode segui-las, para pesquisar tendências populares e participar de conversas em seu setor ou nicho, comentando, curtindo ou compartilhando.
  • 4. Você pode identificar novos clientes em potencial olhando para quem está usando hashtags relevantes.

Práticas Recomendadas em Hashtags do Instagram para Vender Mais

Como um dono consciente de um perfil de Intagram que deseja vender, existem algumas práticas recomendadas que é preciso ter em mente.

Vamos analisá-los:

  • 1. Seja breve – use uma palavra ou uma frase curta.
  • 2. Tente criar uma hashtag que seja memorável e de fácil compreensão.
  • 3. Verifique se a hashtag não está aberta a várias interpretações ou se já é popular para não correr o risco de ser usado para o propósito errado. Tenha cuidado aqui, coisas estranhas podem acontecer.
  • 4. Verifique se a hashtag já não está em uso antes de criá-la.
  • 5. Não crie hashtags que incluam a marca ou o nome do produto de outra empresa, exceto em raras ocasiões, como um livro por exemplo.
  • 6. Lembre-se de que, depois de configurar uma hashtag, ela se torna uma ferramenta de comunicação para qualquer pessoa usar. O que você populariza, outros podem invadir. Você não pode controlar seu uso.

Pesquise tendências em seu nicho Mesmo em um nicho pequeno, como o mercado de roupas de bonecas por exemplo, há novos tópicos, tendências e conceitos sendo criados o tempo todo.

Novos concorrentes entram no mercado, novos eventos acontecem e as notícias do setor vão e vêm.

Seguindo os líderes de pensamento em seu setor e observando o uso de hashtags, você pode acompanhar rapidamente os tópicos de tendências.

Devido à natureza visual do Instagram, esse tipo de pesquisa é ainda mais útil para os vendedores de produtos, pois é possível ver rapidamente os novos itens que, de outra forma, não seriam vistos.

Salvar, recortar e colar

Pesquise termos na guia Explorar do Instagram até descobrir o que os clientes de seu nicho estão usando normalmente.

Em seguida, considere fazer uma lista das hashtags na função de anotações do seu telefone para que você possa recortá-las e colá-las facilmente na legenda do Instagram sempre que necessário.

Encontre perspectivas usando Hashtags

Você tem a oportunidade de identificar pessoas interessadas no seu nicho ou setor.

Basta ver quem está compartilhando fotos usando as hashtags relacionadas.

Esta é uma oportunidade significativa e fácil de fazer.

Você também pode seguir uma hashtag.

Ao fazer isso, você vê os itens compartilhados que usam a hashtag e pode curtir e comentar rapidamente o conteúdo.

O grande debate sobre posicionamento

Nos primeiros dias do Instagram, as pessoas eram sensíveis a não usar mais do que algumas hashtags, e frequentemente as colocavam apenas no primeiro comentário, e não na legenda.

Essas práticas mudaram.

Agora, as pessoas usam toneladas de hashtags e também as incluem na legenda.

Para destacar a legenda e não ser amontoada em um parágrafo gigante com muitas hashtags, os usuários geralmente adicionam um espaço ou dois no comentário, incluem um período ou dois e depois adicionam todas as hashtags.

Isso separa muito bem dos seus comentários escritos.

Participe do compartilhamento

Em algumas indústrias ou nichos, o uso de hashtags comuns pode parecer uma gigantesca perda de tempo, e talvez até seja.

Mas em outros nichos, participar dos tópicos de tendências é uma maneira simples de se envolver com clientes em potencial.

Você precisará decidir se essa é uma boa abordagem para sua situação.

Um indicador de que seu tempo será bem gasto ingressando em uma conversa por meio de uma hashtag ou usando-a para uma imagem do Instagram é se você é (ou sua marca é) relativamente bem conhecida e respeitada.

Nesse caso, você tem uma maneira fácil de causar um forte impacto social.

Caso contrário, você precisará se esforçar muito para se tornar conhecido e precisará determinar se esse é um tempo bem gasto.

Se você é um comerciante de produtos, a resposta provavelmente é um forte sim.

Se você é um provedor de serviços, provavelmente desejará se concentrar em hashtags locais para se conectar com clientes em potencial locais.

Como em todas as outras formas de publicidade, você provavelmente precisa ter uma visão de longo prazo e não se decidir com base em uma ou duas tentativas.

Ter uma equipe que faça Gestão do seu Instagram voltado exclusivamente para Negócios é o mais indicado.

Contos preventivos

Como mencionado anteriormente, as empresas descobriram que as hashtags podem ser invadidas e usadas para reclamações de clientes.

Hashtags são selvagens e grátis.

Uma vez criados, eles assumem um poder próprio.

Criar uma hashtag associada à sua marca equivale a configurar a “noite do microfone aberto” na Internet.

Não precisa ter medo, mas tenha muito medo.

Configurar uma hashtag popular e dar destaque a outros canais de mídia, apenas para que ela seja constantemente usada na lixeira da sua empresa, é um pesadelo de relações públicas.

Tenha cuidado em considerar a reputação da sua marca no mercado e se é mais sensato simplesmente participar de conversas do setor em vez de criar hashtags exclusivas que possam ser usadas contra você.

O McDonald’s e a hashtag #McDStories McDonald’s aprenderam isso da maneira mais difícil quando criaram uma campanha de hashtag no Twitter.

A hashtag inicial criada foi #MeetTheFarmers, usada pela empresa para compartilhar histórias de produtos saudáveis ​​e ingredientes de origem local.

O McDonald’s pagou para promover a hashtag e ganhou grande destaque.

Um esforço sólido – sem problemas até agora.

Mas a segunda hashtag, #McDStories, era muito mais problemática.

Logo, a hashtag estava sendo usada para compartilhar histórias de intoxicação alimentar, transmitir reclamações de atendimento ao cliente, zombar da empresa com insultos engraçados e, geralmente, atacar a marca.

O sentimento anti-McDonald’s se transformou em um esporte competitivo.

Os usuários do Twitter revezaram-se com os tweets mais sarcásticos que puderam e aderiram alegremente à hashtag #McDStories para transmitir suas mensagens.

O erro inicial foi apenas uma camada da provação.

Os blogueiros de mídia social também aproveitaram a oportunidade para corrigir publicamente a empresa em sua abordagem.

O McDonald’s não apenas recebeu zombaria do público; também recebeu críticas públicas de profissionais de marketing de mídia social.

Há muitas lições a aprender com a história do McDonald’s.

Deixe seu comentário se gostou desse artigo!

Grande abraço